ENDODONTIA : Tratamento endodôntico transcirúrgico


A cirurgia endodôntica é indicada quando perfurações, instrumentos fraturados, calcificações e anormalidades anatômicas são responsáveis pelo insucesso do tratamento endodôntico convencional.

Dentre as modalidades cirúrgicas mais utilizadas para a resolução de dificuldades, acidentes e complicações da endodontia convencional.

Estão: curetagem com alisamento apical, apicectomima, apicectomia com retrobturação, apicectomia com retroinstrumentação e retrobturação e obturação do canal simultânea ao ato cirúrgico.

Veja vídeo: TRAUMATISMOS DENTÁRIOS: classificação, características e procedimentos


A obturação do canal radicular simultânea ao ato cirúrgico deve ser realizada, quando não se consegue conter o exsudato persistente por meio de medicação intracanal e medicação sistêmica. A exposição cirúrgica do ápice facilita a biomecânica do canal radicular, permite uma obturação mais eficiente com condensação do material obturador.

Removendo-se o material patológico do periápice, obtém-se um conduto ausente de exsudação, permitindo a completa obturação e regeneração dos tecidos de sustentação.

LER O ARTIGO COMPLETO AQUI

Fuente: http://revodonto.bvsalud.org



Share:

TAMBIÉN TE PUEDE GUSTAR

Facebook comments: