CASO CLÍNICO : Odontoma complexo associado a cisto dentígero


Os odontomas e cistos dentígeros são lesões comuns, com padrão de crescimento conhecido. O cisto dentígero é classificado como um cisto odontogênico de desenvolvimento, o qual representa uma lesão intraóssea revestida de epitélio, contendo acúmulo de fluido em seu interior, envolvendo a coroa de um dente não irrompido.

É frequente entre a segunda e a terceira década de vida, com uma maior prevalência em caucasianos do sexo masculino. Comumente, esse cisto localiza-se na região de molares inferiores, havendo a existência de múltiplos cistos dentígeros ou associações simultâneas com outras lesões.

Veja também: Cisto dentígero: modalidades de tratamento

Os odontomas, entretanto, são considerados hamartomas, com um padrão clínico-patológico que permite dividi-lo em odontoma composto e complexo.

O odontoma complexo, o qual é trazido à tona neste trabalho, apresenta-se assintomático, com ocorrência maior na região posterior dos maxilares. Ele é reconhecido por apresentar, como característica histológica, células epiteliais e mesenquimais, sendo constituído de tecidos dentários duros.


LER O ARTIGO COMPLETO AQUI




Share:

TAMBIÉN TE PUEDE GUSTAR

Facebook comments: